domingo, 23 de setembro de 2018

Andarilhando pelas ruas estreitas de Cáceres

Idalisa na escadaria que dá acesso ao interior da cidade muralhada ao fundo o Arco de la Estrella.
Pormenor da Virgem de la Estrella no cimo do arco que liga a Plaza Mayor à cidade antiga.
Andarilhando por esta rua bem estreita com os seus arcos a Calle Adarve de la Estrella.



Palácio de los Condes de Adanero com uma portada muito original.
O Arco de Santa Ana em Cáceres foi um dos acessos abertos devido à necessidade de passar entre as principais portas do muro. 
A aparência actual data do século XVIII. O arco exterior é encimado por um nicho que contém uma imagem moderna de Santa Ana com a Virgem e o Menino. 




Convento de Santa Clara fundada em 1614, é habitado pela comunidade de freiras clarissas da Ordem de San Francisco, o convento tem fama pela confecção de doces que podem ser comprados directamente no convento.
Foi construído entre os séculos XVI e XVII em estilo barroco maneirista e fundado por Dª. Aldonza Torres Golfín.
Cáceres, Agosto de 2018.

sábado, 22 de setembro de 2018

Jantar no Hotel Alcantara



Uma sala de refeições muito agradável esta do Hotel Alcantara onde estávamos hospedados. 

Um prato que nunca tinha comido e fiquei fã, alcachofras com presunto. 
Idalisa como entrada teve uma salada e como prato principal uma posta de peixe.

Eu fui nuns bifes de frango panados. 
Cáceres, Agosto de 2018.

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Plaza Mayor de Cáceres

A Plaza Mayor de Cáceres é uma bela praça que surgiu no século XII, por ocasião de uma feira anual que reuniu uma importante multidão de pessoas. Durante o século XV, foi cercada por arcadas apoiadas por pilares de pedra e arcos semicirculares. É uma das maiores praças da Espanha. 

Vista da torre do Bujaco, com a capela de La Paz à direita mais à direito fica uma das portas de acesso mais importantes ao cimo da escadaria, é o Arco de la Estrella, construído por Manuel de Lara e Churriguera.
A torre de Bujaco é o monumento mais marcante na Plaza Mayor um edifício genuinamente árabe com cerca de 10 metros de lado e 25 de altura.
Estas arcadas têm muito comércio e restauração e são muito refrescantes e agradáveis para passear.
 Uma bela tela da Virgem num dos lados destas arcadas. 


Ao fundo do lado esquerdo o Ayuntamiento de Cáceres.


Idalisa refrescando-se com um gelado.
Cáceres, Agosto de 2018.

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Andararilhando por Cáceres - 1

Andarilhando por ruas estreitas de Cáceres, ruas cheias de história e monumentos em que cada local e recanto tem uma história para contar.
Uma bela cidade, não é por acaso que é classificada pela Unesco como Património da Humanidade. 
Está tudo tão bem preservado que dá a sensação de termos feiro um "mergulho" no passado. 
Palácio  Comendador de Alcuéscar o de los Marqueses de Torreorgaz edificado no século XV, é hoje um hotel de luxo.
Esta é a torre do Palácio de Alcuéscar.
Casa de los Paredes-Saavedra.
Igreja de San Mateo num plano mais elevado da cidade intramuros, erigida no século XVI princípios de XVII em estilo gótico tardio, igreja do arquitecto Gil de Hontañón.
Ao fundo o convento de San Pablo que é formado por um conjunto monumental com a igreja e as dependências conventuais, uma obra do século XV que é ocupada pela Ordem de Santa Clara. 
Ao lado da Igreja de San Mateo o palácio de los Cáceres-Ovando chamado também de Casa de las Cigueñas é hoje a sede do Governo Militar e Museu de Armas. Foi construído em finais do século XV e princípios de XVI sobre o solar de um velho alcázar árabe.
Muito curiosa a torre da casa del Águila forrada de heras um toque de verde no meio do antigo casario.
Ao fundo palácio de los Solís datado do século XV, por cima da porta um escudo com um Sol.
Palácio de Hernando de Ovando foi uma das casas mais ricas e nobres da sociedade de Cáceres do século XVI
Cáceres, Agosto de 2018

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

El Mariscal Cáceres

Quando chegámos a Cáceres estávamos com fome "dos diabos" e a primeira coisa a fazer foi irmos confortar o estômago o que fizemos na Plaza Mayor no Restaurante El Mariscal, apesar do seu nome não fomos para o marisco.


Momento de refrescar e acalmar a onda de calor que habitava em mim.
Para começar nada melhor do que um presunto que nestas terras é uma maravilha.
E para não darmos cabo totalmente da dieta fomos para um prato de legumes grelhados uma das especialidades da casa.

O café é obrigatório e aqui bebia-se bom café era café português da Delta.

Cáceres, Agosto de 2018.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...